Política

Publicidade
Publicidade


24/03/2017 11:27

Funcionária da Junta Militar faz grave denúncia contra vereador de Patos. Parlamentar rebate. Escute



Uma funcionária pública de nome Glaucia ligou para o programa Espinharas Notícias na tarde desta quinta-feira, dia 23, e na oportunidade fez alguns esclarecimentos sobre o fato do vereador, Dito, ter citado seu nome publicamente durante sessão da Câmara de Vereadores, insinuando que a mesma teria apadrinhamento político e por isso não está ocupando a vaga para auxiliar de serviço. 

Ela afirma que fez concurso para a Prefeitura de Patos no ano de 2012, e que desde lá vem trabalhando como técnica administrativa na junta militar da cidade.

Glaucia revela que bem próximo à campanha do ano passado, o vereador Dito a procurou por várias vezes tentando aprovar dispensas para alguns de seus eleitores.

Ela também coloca que o vereador estaria realizando perseguição à sua pessoa, com vistas a indicar outra pessoa para ocupar o posto que ela já ocupa.

Já o vereador Dito disse que a senhora Glaucia teria sido muito infeliz nas suas afirmações, e afirmou categoricamente que a mesma está mentindo.

“Ela foi muito irresponsável nas palavras dela, pois sou um vereador eleito pelo meu povo e pelos votos do meu povo, sem qualquer compromisso com ninguém. Ela se deu muito mal nessa entrevista e vai ter que provar o que disse ao meu respeito”, garantiu o vereador.

Saiba mais detalhes nas entrevistas que seguem.

Uma funcionária pública de nome Glaucia ligou para o programa Espinharas Notícias na tarde desta quinta-feira, dia 23, e na oportunidade fez alguns esclarecimentos sobre o fato do vereador, Dito, ter citado seu nome publicamente durante sessão da Câmara de Vereadores, insinuando que a mesma teria apadrinhamento político e por isso não está ocupando a vaga para auxiliar de serviço.

Ela afirma que fez concurso para a Prefeitura de Patos no ano de 2012, e que desde lá vem trabalhando como técnica administrativa na junta militar da cidade.

Glaucia revela que bem próximo à campanha do ano passado, o vereador Dito a procurou por várias vezes tentando aprovar dispensas para alguns de seus eleitores.

Ela também coloca que o vereador estaria realizando perseguição à sua pessoa, com vistas a indicar outra pessoa para ocupar o posto que ela já ocupa.

Já o vereador Dito disse que a senhora Glaucia teria sido muito infeliz nas suas afirmações, e afirmou categoricamente que a mesma está mentindo.

“Ela foi muito irresponsável nas palavras dela, pois sou um vereador eleito pelo meu povo e pelos votos do meu povo, sem qualquer compromisso com ninguém. Ela se deu muito mal nessa entrevista e vai ter que provar o que disse ao meu respeito”, garantiu o vereador.

 

Saiba mais detalhes nas entrevistas que seguem.

 

Matéria por Patosonline.com

Áudio da postagem

 Glaucia Ferreira (Rebate declarações do vereador Dito sobre caso da Junta Militar) - EN 23-03.mp3

 Dito (Resposta as declarações da funcionária Glaucia Ferreira) - EN 23-03.mp3